Ney Matogrosso - Bandoleiro (Brasil)



Fossem ciganos a levantar poeira
a misturar nas patas
terras de outras terras, ares de outras matas.
Eu, bandoleiro, no meu cavalo alado
na mão direita o fado
jogando sementes nos campos da mente.

E se falasses magia, sonho e fantasia
e se falasses encanto, quebranto e condão
não te enganarias, não te enganarias
não te enganarias, não!

Fossem ciganos a levantar poeira
a misturar nas patas
terras de outras terras, ares de outras matas
Eu, bandoleiro, no meu cavalo alado
na mão direita o fado
jogando sementes nos campos da mente.

E se falasses magia, sonho e fantasia
e se falasses encanto, quebranto e condão
feitiço, transe-viagem, alucinação, miragem.